Páginas

Mostrando postagens com marcador Triana. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Triana. Mostrar todas as postagens

25.1.16

TRIANA E MACARENA: BAIRROS IMPERDÍVEIS DE SEVILHA

Triana, Centro Antigo e Macarena foram os três bairros percorridos nesses dias de Andaluzia. O suficiente para compreender a diversidade da cidade e ficar com vontade de voltar. O centro histórico merece uma postagem própria. Vou, portanto, começar por Triana, que está do outro lado do Rio, ou seja, aquele que não tem Plaza de Armas, casco antiquo e fica distante dos flashes dos turistas, mas é um típico bairro de Sevilha. 

FOTO MB: DA ESQUERDA PARA DIREITA, TRIANA, A TORRE DE SEVILHA (O MAIOR EDIFÍCIO DA CIDADE, QUE É UM CENTRO COMERCIAL) E LA MAESTRANZA

TRIANA
Vale visitar as oficinas de azulejos, ver as igrejas de onde partem as grandes procissões e almoçar por lá. O passeio pode começar pela La Maestranza (do lado de cá do Rio), que é a praça de touros e museu, para quem tem curiosidade sobre o tema. De lá, atravesse o rio pela ponte Isabel II e ao final dela estarás na Plaza del Altozano, de onde saem as ruas Pureza e Betís, que resumem Triana.


MACARENA
La Macarena é um bairro rico na arquitetura de estilo mudéjar (séc XII - XVI) que é conhecido como um fenômeno hispânico que combina românico, gótico e renascentista com a arte islâmica. Os melhores exemplos do bairro são a Basílica de La Macarena e a Igreja de San Gil. Neste bairro também se vê os vestígios das muralhas árabes que cercaram a cidade, mas foi na rotina de seus moradores que encontrei o grande charme do lugar.
 

FOTO MB: EM LA MACARENA, NA REGIÃO DA CALLE LA FERIA, A SIESTA ACONTECE NO TRADICIONAL BAR VIZCAÍNO (1929) 

FOTO MB: PELAS RUAS DE MACARENA DURANTE A SIESTA 1

FOTO MB: PELAS RUAS DE MACARENA DURANTE A SIESTA 2

Vale também a caminhada até o Mercado do Bairro, junto à paróquia Omnium Sanctorum, outro exemplo da arquitetura mudéjar e talvez a segunda mais velha igreja da cidade. São ruas encantadoras e estreitas, quase becos, que em cada curva oferecem uma boa surpresa: você poderá  encontrar uma praça ou um largo ao final deles.

FOTO MB: PELAS RUAS DE MACARENA DURANTE A SIESTA 3

FOTO MB: A SIESTA NO CENTRO HISTÓRICO. DÁ PRA PERCEBER A DIFERENÇA?

TOME NOTA:
Para tapeos BAR YEBRA e BAR VIZCAÍNO, ambos fora do circuito turístico.
Para cenar Restaurante LA CALESERA - no Hotel San Gil